Levanta-te

"Isso tudo aqui é muito lindo ... Mas não sou assim,
sou o que falo quando não penso pra falar."

__________________________________
"Direitos Autorais."
Os direitos autorais são protegidos pela lei nº 9610/98, violá-los é crime estabelecido pelo artigo 184, do Código Penal Brasileiro. Não copie sem divulgar a autoria !

sexta-feira, 27 de novembro de 2009

   ─ Você já notou que quase sempre quer ver as pessoas desmoronar. (Me refiro a seus supostos inimigos, mas ainda sim gente como você?) Que você seja o primeiro a derrubar qualquer um deles. E não apenas desejar... Você sempre se nota, e está sozinho. E descobre que não há como parar pessoas que estão do seu lado.
As pessoas tem mania de nos chamar de doentes mentais. Enquanto suas conversas são apenas ousadas a uma indesejada maleficia. Então me diga, o que é pior. Derrubar uma pessoa? Ou nos matar pelo que pensamos a alguém como a mim, ou a você? Qualquer pensamento que temos, descreve o que somos. Quero que fale por você, e veja nos outros apenas o que é bom. Se existe uma diferença, irá descobrir assim como viu o que era apenas ruim. Acenda seu próprio fogo, e veja os outros queimar pelo que fazem, e não pelo que acendeu por si só. Pelos céus, acha que estou inspirado pelo que desejou por mim? Não... Mas inspiro-me pelo que quero por ti.
  ─ Por anos insistimos em coisas que começamos, uma vez ou outra. Mas quando nota que não há nada, pensa ocultar isso, para que depois de um curto tempo isso lhe consuma. Não esteve longe de você, mas tão perto que no momento certo, você para sem saber o porque... Estranha esta minha forma de pensar. Mas tão real quanto ao que lhe faz pensar e ler isso.
È tão irreal quanto ao que queremos e vivemos...
            "O seu desespero é o seu desejo, e o seu desejo é o que irá viver."
          E sim, sonhar não paga, mas vale realizar por um sorriso...

quinta-feira, 26 de novembro de 2009

   ─ As vezes um instante de silêncio, não nos permite pressentir algo que ainda não passou.
    — Temos posturas que são até mesmo robustas, mas simples como uma folha na tempestade. As nossas promessas, são as mesmas palavras que poderão nos rasgar. Ninguém é necessariamente obrigado a dizer ou fazer uma promessa. Eu realmente queria estar sempre do seu lado. Mas quem disse, que irá sempre me suportar?
Sempre ainda é pouco para que saiba tudo de mim.
Você não aprender a ser uma ilusão, mas deve aprender a viver sobre ela.
        "E eu penso que as promessas são como remédios novos, além de inventados. Eles são a única doença para isso tudo."

    — E quero que sempre tente, tente... Eu sei que alguém tentou, se empenhou.
Para que não desanimasse. Lucidez, não tarda a chegar."
Ah, como eu queria que as paredes falassem. E os pássaros pudessem nos levar...
As coisas seriam diferentes, e você teria sempre companhia. Como também voaria sem insegurança... A liberdade está nas coisas mais simples e existentes.

terça-feira, 24 de novembro de 2009

     — E de todas as estradas que caminhamos antes. Se tornam nossos pensamentos de hoje. Nos despimos de tudo, e mesmo assim. Parece que o orgulho permanece. Então através dela, podemos confidenciar as palavras devido ao nosso silêncio? Isso tudo nos mantém satisfeitos nos dando tudo que precisamos. Porque no silêncio se reporta o que queremos, e em uma nova estrada... O que esteve confidenciado a nós mesmos.
   "Talvez um rumeiro ao nada. Ou quem sabe um simples andarilho? Nômade, ou vagabundo? Chame-me da forma que bem desejar. Em minha cabeça está a minha paz, em suas palavras, o que sua mente lhe permite ver."
     — E agora você pode sorrir... Mais um final de novembro se aproxima.
               "E curioso o que é reservado pra nós. O que pensou? O que desejou?
Está vendo acontecer?"
 

segunda-feira, 23 de novembro de 2009

     — Sim, me disseram que o paraíso é o desejo da realidade. Se dizem que ás vezes somos perfeitos. Porque então morremos? As pessoas só irão parar de se enganarem, quando a terra enfim parar de girar. Pensar é algo que todos nós o fazemos, encontrar uma verdade... Talvez.
Se você me diz que gosta de sonhar. Então por que não dormes?
            "Por um único erro. Assumir... Por uma consequência. Apenas esperar...
      — Minha pele era tão fria quanto o metal que eu vestia. O rosto palido e natimorto. Não sentia nenhum desconforto, não um verdadeiro desconforto. Diziam que partir para aquele lugar seria morte na certa. Noite, e muito longe de onde eu moro, viajei por horas demais, noites longas, para naquele momento estar preocupado. Eu deveria estar cansado? Eu só não queria me forçar a morrer.
O vento era cortante, forçava sua passagem pelos lugares escuros, e estreitos e parecia soprar a meu favor. Às árvores estavam agitadas, suas copas se abriam vorazmente. De longe eu conseguia ver as velas sem luzes. E a milhas de onde eu estava, havia pessoas rindo em seus quartos. Iluminados por tochas, prendendo os dedos como garras nas batentes de portas. Gargalhando pelas gargantas que logo seriam dilaceradas.
Sozinho eu me nomeei..."Rei-Dior." Não havia lei em mim, estava num lugar distante, entre os sem leis. Sempre havia algo amaldiçoado, mas quem é que procurava uma maldição? Seria melhor se redimir, quem sabe assim. Ainda não haveria uma chance de alcançar o céu. O ponto de luz que eu estava procurando, e vendo em meus sonhos, estava sim, a léguas e léguas de distância. Acima de inalcançáveis montanhas ao norte. Eu saboreava o vento e os meus desejos sobressaltava em minhas pulsações...
            Foi quando comecei a correr.

domingo, 22 de novembro de 2009

Singela Confissão

Se tudo aquilo que foi feito
Que é seu, sim, por direito
Não tem valor, só lamento

Meu coração está aberto
O mesmo sorriso aberto
Estarei sempre por perto

Não importa a distância
Estou sempre a vigilância
Nunca se sinta então sozinho

Se fizer algo de errado
Estarei lá do seu lado
Meu querido e lindo amado.
( Vinicius Lima )
  — Posso parecer alguém que não se importa, mas preciso de amores reias. Que me aceite como sou. Sem máscaras, ou tempo para me levar. Que me acompanhe, que sinta comigo o que ainda irei sentir em tantos lugares. Com este que não me leve, mas esteja do meu lado. Um amor que ainda não senti.
    Não existe realidade perfeita. Assim como não existe ilusão suficiente para nos derrubar. Não existe ilusão descrita pela mente. Que não possa ser controlada. Como não haverá uma mentira impossível de ser descoberta.
            Ranny Barros & Jefferson Henrique
      Você se pergunta se está certo... As horas passam e você nada faz para mudar sua realidade. Apenas as dúvidas restam. Tudo parece estranho, e você finge estar bem. Viver de aparências e mentiras é o tudo o que sabe fazer, mas o relógio na parede de seu quarto lhe diz que você está perdendo tempo. Tempo perdido, e aproveitado quando então pensamos ser como queremos... O certo é o errado, e o errado é o certo. Isso lhe confunde. Pensa ser como quer, mas realmente o que é? Siginifica coisas deixadas para trás. Algo pelo qual ainda não tivemos.. Assim como 'é' o que ainda virá. Duas pessoas que se encontram, decidem escrever sem um motivo. Mas se encontram... E em suas palavras se completam, mesmo que por pensamentos distintos. Insínceros... Se tornam reais. Distintos, se misturam.
            Palavras... Desejos, pensamentos... Sonhos, tempo. Um em cada segundo. Porém, um segundo longo o bastante para que até mesmo as mínimas sensações sejam sentidas com mais vivacidade e intensidade. Um segundo que é o suficiente para que lhe digam que não vale a pena sofrer pelo que pensamos, mas sim pelo que ainda virá. Nunca nos pede, mas sim nos espera... O que significa palavras? (...)
Nada! Contudo, muitas vezes tem o dom de iludir e ludibriar. Por isso, prefiro os atos! Mas não se preocupe, durma, esses pensamentos vão embora ao amanhacer, e você descobrirá que tem todo o tempo do mundo... Ao menos gosto de pensar assim! E você?
      Prefiro acreditar que além de palavras existe um sentimento. Sentido e vido do que deixado para trás. Um sentimento pelo qual é o que desejamos seguir do que esconder... O que é real segue do nosso lado, o que é ilusão deixamos de viver. Talvez seja por isso que sofremos demais. E vivemos pouco deixando de sorrir...
Talvez precisemos abrir os olhos e enxergar a vida, em sua infinita beleza, para poder sorrir mais. Sem ilusões, apenas o real! E se isso não é o bastante, porque nada faz para mudar? É melhor do que ficar apenas pensando se está certo! Aja, reaja! Deixamos de sorrir por um. Quando tudo isso é nosso... A vida passa num segundo. E as pessoas num momento. O dobro por um e o um que somos nós por todos. Deixi de chorar por quem pensa e vivi por quem quer... Deixei de chorar, e aprendi a viver por mim. Por que se não fosse assim. Tudo que pensei seria verdade, e de tudo que deixei de viver seria ilusão. Sim, e o relógio agora aponta às 00:00 horas. Tudo zerado. Um novo começo! Se não aceita isso como um momento. Aceite o que passou como um atraso... O que aqui vivemos é o que sentimos. O que pensamos é o que nos passam... Nossa vida por uma mentira. Nossa mentira, por uma entrega.
Decida você o que viver. E pelo que mentir...
            "Viva pelo que deseja, e se engane pelo que quiser."
       Kamila Mergulhão & Jefferson Henrique

sábado, 21 de novembro de 2009

   Somente uma gota de orvalho é encantadora. Ela não fala mais brilha, ela escorre, mas sempre volta para seu lugar. Ela transmite a paz inerte pela qual nenhum homem ou mulher pode nos transmitir. Sem mesmo falar, faz com que desejemos vê-la mais uma vez.
   Liberte seus pensamentos e vague sobres eles mesmo quando nada parece ser bom.
Longo é o caminho que iremos seguir. Os acontecimentos a seguir nunca são previstos, mas sempre temos a cortesia do que espera por nós. E não importa o que venha a ser, ou vier. Sempre haverá uma estrada a seguir. Vento a favor ou não... Seguimos avante. Nada precisa ser fácil, se não como deve ser, para que então possamos desfrutar do que antes pagamos pra ver. Sem tempo de se arrepender, é melhor irmos de encontro ao vento do que deixá-lo a nos dispersar do tempo e do espaço que temos.
Uma paixão que não muda, e uma paixão que não trai, é somente aquela que criamos em nossas mentes. E vivemos por nós... Quem sou eu para falar do amor, que só me engana? È aquele que vejo, mas ainda não vivi que me trai. E me faz pensar que tudo é estranho, misturada a delirantes sensações. Nossos olhos vêem, sentimos. E acreditamos estar presente a estranhezas. Estranho seria se isso não acontecesse. Que mal pode haver naquilo que chamamos de ilusões, por isso me torno objeto de meu próprio sentimento, até que tudo se organize. Eu paro, penso, reflito vejo, sinto e me volvo... Tão profundamente que o que antes era estranho, se torna 'normal.
   Já notou que as pessoas não costumam permanecer com suas verdades, mas preferem parafrasear o que diz, a fim de lhe causar um sorriso. È a mesma coisa que sentimos quando pensamos. Posso ser rei em minha própria história, como posso ser o meu próprio impulsor do sofra.  
                  "Somos um que tenta, dois que consegue. Planos sempre passam, e se não esquecemos. Três que luta. A ilusão passa, e nos tornamos dono de nossos pensamentos."
   Até mesmo quando parecemos aparentemente livres. Ainda permanece as eternas prisões 'psicólogicas'. E isso tudo se torna uma doença´para a humanidade. Mesmo com a conjulgada evolução da ciência e a devasta tecnologia falha. Continuamos a sobreviver em indesejada servidão. È algo que não conseguimos ver, o que dificilmente saímos impunes. [Envydust]
     O que são seus sonhos? Desejos ocultos em uma pessoa, ou alguma coisa impossível de se realizar? Eu vejo pessoas que procuram evitar a perca de tempo e então procuram viver produtivamente cada minuto de suas vidas. Sonhos eles existem, mas apenas em nossos 'sonhos.' Existe obstáculos e assim podemos perder tempo com eles. Existe planos, uma maneira de vencer os obstáculos para idealizar o que era um sonho. E quem sabe conquistar uma vitória sobre os obstáculos. Sonhos, eles vem e vão, vai ser sempre assim... Quando desperto, vivo, quando durmo, sonhos.
     Um sobrenatural não é a forma pela qual estamos no mundo, ou estaremos. Mas sim pela qual estivemos, o vendo existir.

quinta-feira, 19 de novembro de 2009

         · E quando quero ouvir o silêncio. Me desligo das palavras. Para me encontrar uma outra hora, neste mesmo lugar.      
    'Ao mar me dou sem medo.'

terça-feira, 17 de novembro de 2009


   · Havia um longo e alto muro. Como se fosse impossível atravessar... Ou pular.
Era alto, e ele olhava do topo a sua longitude. Não havia buracos para se escalar, e não havia se quer uma escada para que pudesse subir.
Quando a primeira gota do céu veio a deslizar sua camisa como um orvalho. Ele olhou para o céu, e sorriu. Uma gota escorreu sua face, como se fosse uma lágrima. Lembrou dos sonhos deixado para trás. E fechou os olhos pensando no que sonhar, para realizar. As lágrimas se misturaram com as gotas cristalinas da chuva. O céu estava azul, além de maravilhado com belíssimas nuvens brancas e claras. Muitos o disseram que não era possível. Mas até mesmo a chuva cai num dia ensolarado de verão. Se virou vagamente, e então uma gota d'água debateu-se a uma pequena pedra, tão pequena que molhada parecia um cristal. Iluminou seus olhos. E então se abaixou para pegá-la... Seu peso era surpreendente, mesmo que pequena. O horizonte estava longe, e parecia coberto por uma nevasca branca, olhou para trás e sorriu fechando as mãos com força sobre a pequena pedra. Não havia ódio do que se foi, mas havia um sorriso pela surpresa que nem mesmo ele sabia. A chuva havia parado, e neste mesmo momento. Um impulso, o fez inclinar o corpo, e pronto para jogar a pedra ao alto. Fechou os olhos, e impulsionou com mais força, até que então... Jogou a pedra ao alto, fazendo que ela não mais caísse ali aonde estava. Ela havia caído do outro lado.
   · Havia um longo e alto muro. Possível de pular, e simples de atravessar.
O longe o horizonte parecia intocável. O céu se abria e o sol se mostrava quando então ele decidiu caminhar, para que do outro lado pudesse encontrar a mesma pedra que jogou, e pensou estar ali. Ela seria um pequeno objeto de sua busca, e se tornaria uma conquista em sua vida. "Pular o muro impediria que ele encontrasse o que tinha pela frente."
   · Foi o que ele pensou... Enquanto caminhava em frente, sem desejar pular nada.
   Se os defeitos que possuíssemos fossem bons. Não contariam... A nós.
Se nossas qualidades fossem como os defeitos todos falariam, não se pode contar quantas temos.

    · E se seus pensamentos não falassem? Se seus olhos não enxergassem. Se suas mãos não tocassem. Seus pés não se movessem. Seu coração não batesse. Seu corpo não resistisse. Em suas noites não sonhasse, ou tivesse pesadelos. Pelas verdades um sorriso. Pelas mentiras uma dor. Por um sentimentos, uma vida. Por uma vida suas conquistas ·
  — Você desistiria de tudo?

    · Não somos seres invisíveis. Somos peças do tempo, e o tempo é o nosso espaço para que possamos nós mesmos completá-lo. Até mesmo o que fala nossos pensamentos. E ver o que deseja enxergar nossos olhos.
  — Seu atraso nunca será marcado, se você não se preocupar em chegar atrasado...

segunda-feira, 16 de novembro de 2009


    · Ei, quero que você me diga, o que é isso?
Um curto prazer, ou uma longa dor? Um frio congelante, ou um calor que aquece?
Um verdadeiro amor contra o desprezo, ou apenas um disfarce para inventar sorrisos?
Uma esperança, ou um indesejado desprezo? É verdadeiro ou apenas algo falso? È normal, ou seria isso tudo insano?

Dentro disso tudo, você sabe o que escolher?
Todos dizem que não poderão perder... Mas assim como as estrelas precisam de luz, as vezes elas não aparecem! E como poderia a ver uma direita sem a esquerda, se estiver no meio, poderá ser esmagado.
Agora me diz, se isso parece bom, ou profano? Par ou ímpar?
O tempo sempre vai passar, e você terá perguntas a fazer. Respostas... Podem te enganar.
Tudo estará sempre, frente a frente. Um pecador, e um santo. Um servindo ao outro.

domingo, 15 de novembro de 2009

    Eu pensei ter analisado um homem quando então notei sua ignorância. Não era ela quem eu havia notado, mas sim que nada de outras pessoas ela se importava. Me surpreendi, pois ele reparava tão bem que disse que eu nada dizia... Isso por que dele eu apenas notei e não disse.
  Costumo me enganar, mas não enganar!
Eu na verdade não costumo me importar quando falam sobre o que eu nem mesmo sei, deve ser por isso que não falo nada, por não saber. Mas aprender quando posso, se isso é certo, ou errado. Eu ainda irei descobrir...
           "Isso pode se tornar assunto em mesa de bar...

sábado, 14 de novembro de 2009

  E se não fosse o receio da morte, nós poderíamos ser perfeitos?

   — O desequilíbrio faz parte de uma normalidade... A gente se engana, a gente vive. A única doença que existe é o pecado. Me disseram que um homem pode até ir pra lua. Imagine só se eles ouvissem as minhas idéias. È, na escola aprendemos apenas a escrever. Um filosofo, vê tudo o que você não vê, sente as coisas que vocês ainda poderá sentir, no exato minuto que ele desperta sua mente. Isso não é uma doença, é? Lógica, razão loucura... Já passa de um desiquilibrio, não?
Nós somos médicos, de uma doença incurável, a vida...
   — Somos locutores de pensamentos, você só consegue chorar quando sente, e somente para quando quer, não é? As pessoas somente se sentem felizes quando se surpreendem pelos sentimentos. Já notou que as pessoas em sua volta somente fazem coisas erradas? Por que você se preocupa tanto? Eles assistem seus pecados, e você os deles. E agora me diz, você é livre do pecado?
Você não pode matar o que não criou, olhe para o céu, e veja se você o tocou.
        "Ela me falava, que não tinha mais motivos. Uma tristeza, apertava seu peito.
  Ela apenas sonhava, e eu pude dizer; Você é uma princesa, e todos os seus sonhos se realizam. Apenas escolha, pelo que viver... A vida pode ser um sonho."
      "E se eu disser que eu já tentei te entender? E temi pelo seu jeito...
   E com isso tentei fugir de mim. Em ruas escuras e desertas.
       E mesmo assim eu somente parei para te esperar.
   Os motivos sinceros que nos fazem estar aqui, são os mesmo que nos tornam felizes, mesmo com as decepções.
      "Não tente me entender, mas tente se encontrar pelo que sente, e pelo que deseja viver.

   Não tema pelo meu comportamento, este sou eu, e mudar seria forçar o que eu não posso fazer, por ninguém.

   — E se você por um segundo pudesse chegar naquela pessoa e ver o quanto ela se sente só? Bem pertinho... Você sentaria no chão, e não abaixaria o olhar? Só tem uma certeza, a culpa não é de ninguém.
Voltamos para um recanto, nosso, onde tudo é bem melhor. Sem mesmo saber se lá terá alguém a sua espera, você nunca estará só."
   As pessoas apenas se afastam, ou perdem tempo demais. Porque elas nunca dizem o que querem, e irão fazer? Onde podemos nos esconder quando tudo desabar? Perguntamos, o porque disso tudo estar acontecendo com a gente. As pessoas não diz se quer uma palavra, apenas se afastam.
No fim de tudo sempre somos o primeiro a dizer que estamos bem. E por mais uma vez abrimos o olhos, descobrimos que nada do que passou, foi das piores coisas.
Quando somos o primeiro a falar a verdade, deixamos qualquer um ir ou se aproximar. Não deixamos o que passou pelo que chegou. Se somos os últimos a saber, somos os primeiros a viver.
   "Se não podemos suportar o modo pelo qual é este lugar. Podemos ir para um lugar, tão alto que possamos sobressaltar a vida, num canto só nosso, onde escrevemos, sentimos. Com a certeza de que poderemos viver sem algo que fez parte de nossos sonhos."

sexta-feira, 13 de novembro de 2009

ㅤㅤㅤ"O isolamento perfeito em seu reino que neva sem parar,
e da cor a sua pele branca ...
E quando os orvalhos escorrem sobre as folhas mortas em raras
gotas cristalinas. A doce insanidade floresce ,
dando cor e vida ao mundo frio e griz."
ㅤㅤㅤㅤㅤㅤㅤㅤ"Este foi um dos meus primeiros risos, quando então me descobri nas 'palavras...
ㅤㅤㅤ ─ Quando então podemos parar, equalizamos nossos pensamentos e desejos, o trocando pela nossa realidade pelo que um dia sonhamos. Tudo se foi com o vento, e tudo volta com o tempo.
ㅤㅤJá tentamos nos entender, e assim fugir de nós mesmos, e os motivos mais sinceros que nos fazem estar aqui, é o significado simples de nossa existência.
Vivemos num mundo distante da dor, e longe do sofrimento. Nossa vida somente faz parte de uma canção, que o tempo nunca poderá esconder.
Além de tudo quantas vezes tentamos entender as pessoas? Querendo nos deixar levar com o vento, para que tudo fosse deixado ao tempo passado?
ㅤㅤㅤ ─ Hoje podemos sentir nossa alma de verdade, por que nos confundimos, e nos descobrimos quando menos esperamos...
ㅤ Apenas a sinceridade do passado permanece viva, e aquilo que nos tentou fazer fugir, se torna parte de folhas amareladas em um baú que já até esquecemos. Não volta mais... Viva alheio com a ilusão, e sinta a realidade provocar o prazer de uma vida.

quinta-feira, 12 de novembro de 2009

        ∙∙  Sentia-me sonolento, e perdia-me no compasso dos pensamentos...
Pensei que nada sairia, mas começou com uma letra maiúscula, aqui no meio estão minhas ideias, e não sei aonde isso tudo poderá terminar, não existe um ponto final, mas sim um novo modo de começar, tentar, seguir, conquistar, e ser feliz.

quarta-feira, 11 de novembro de 2009

ㅤㅤㅤ ─ Um rio a fora quando nos perdemos, uma vida a dentro quando mergulhamos...

ㅤㅤㅤㅤㅤ ㅤㅤVocê por vezes se perguntou por que tudo estava estranho, e de todas as vezes que se perguntou quando a tempestade ia passar... Esqueceu de que este foi o gosto que ainda não sentiu. E quando o sentiu pensou estar perdido quando estava apenas a se conhecer. Descobrimos que a vida é uma dádiva, e nós somos estrelas, que de tempos em tempos, muda de lado. Troca suas cores, e encanta o mundo.
E quando estiver perdido, perca-se mais e se descubra, transparecemos a fraqueza quando somos forte demais, e nos equilibramos quando nos reconhecemos em nós mesmos. Tendo a certeza de que a vida, custa pelos prazeres do amor, dos risos, de uma perca pelo tempo, e de uma vitória pelo que somos.
ㅤㅤㅤ"Custava-me o nada para viver, e agora cabe-me uma vida toda pela frente."

terça-feira, 10 de novembro de 2009


                               ¯¯¯¯¯¯¯¯¯¯¯¯¯¯¯¯¯¯
     Por um longo tempo, o amor teria sido uma simples e mera ilusão. Era como uma promessa por palavras e sonhos, obscurecidas pelas verdades, de uma razão e de longas confusões. Era nossa invasão, e a intrusão de quem nunca pensamos que poderia parecer.
     Havia sempre perguntas que nunca foram feitas, e respostas que estavam em nossa mente, prontas para nos derrubar... Este será um dos meus segredos não falado.
ㅤㅤㅤ ─ Era o vislumbre de rostos simples, que não se escondiam atrás de mascarás, mas podiam tocar a silhueta do céu azul e estrelado.

O sabor do desejo queimava aos lábios. Como a verdade que se tornava anciã por ser verdadeira, era mais gentil do que um fantasma que apenas lhe dava uma sensação em cor não visível. Enquanto ele não se via, o desejo estava dentro dela, sua essência a arrepiava e em sua vida a melodia que embalava seus passos.
ㅤㅤㅤㅤㅤㅤㅤㅤㅤㅤㅤㅤㅤㅤㅤ'Ela dançava em passos perfeitos, como um balé estelar.

                               ¯¯¯¯¯¯¯¯¯¯¯¯¯¯¯¯¯¯
     Era um desejo estourado por ela, como um cordão que vivia amarrado em seus finos dedos, além dos delicados pés. As estrelas se tornavam pérolas, entre suas coxas suas mãos que a guiava num firmamento de passos alinhados as constelações. Era guiada para terras desconhecidas, onde havia tesouros sobre as areias, e prazeres que os homens nunca descobririam, pois dedicavam sua vida, a ilusão que era a ciência.
ㅤㅤㅤ ─ Como uma condição severa, o mundo sempre foi imperdoável. E ela sempre encontrar um lugar onde se achar, havia luzes e imaginação, sentimento e verdades.

E ela deitava-se quieta, sua respiração era baixa além de fresca. Suas manhãs lhe ofereciam uma bênção silenciosa, e ela sabia que nunca estava a sós. Suas promessas nunca eram quebradas, suas respostas estavam numa taça de água com perguntas que nunca eram feitas.
ㅤㅤㅤㅤㅤㅤㅤㅤㅤㅤㅤㅤㅤㅤㅤ'Nunca deixe que diga que apenas os opostos se atraem!
ㅤㅤㅤㅤㅤㅤㅤㅤEla tinha o dom de sempre dançar a vida, ela poderia dançar para você.
ㅤㅤㅤㅤㅤEla sempre soube dizer adeus as indecisões, e na interpretação tornava sua visão alucinante.
ㅤㅤㅤㅤㅤㅤE na distância, ela desaparecia para adormecer e sonhar novamente.
ㅤㅤㅤ ─ Entre as melodias nos perdemos,
entre as conversas nos conhecemos
levam segundos para esquecer
e uma vida toda para ter...
ㅤㅤㅤㅤㅤㅤㅤㅤㅤㅤㅤㅤ/ Leva uma vida toda para ter novamente.

ㅤㅤㅤ ─ E sempre que os sorrisos forem... lembre-se do que antes foram,
Conquistamos e perdemos, ganhamos e temos.
Nascemos e crescemos, apenas destinados a morrer.
Mas, não, a perder os nossos minutos de vida.
ㅤㅤㅤ ─ Mediante as palavras escritas por um atalho...
conhecemos um sentimento depois de visto, ao sentí-lo.
Viver, sorrir, sentir viver, é estar perto
e dispersar os pensamentos... // Sem data para não ficar no passado.
ㅤㅤㅤ ─ Um 'escritor viaja dentro do que escreve sentindo cada sensação descrita. Um 'artista interpreta uma história, e se satisfaz com o resultado de aplausos...
ㅤㅤㅤ Felizes são quando começam uma nova história."

segunda-feira, 9 de novembro de 2009

ㅤㅤㅤ ─ Tudo é como misturamos as coisas, que pensamos e vivemos, e tudo somente começa quando então permanecemos a sonhar. Um sentimento que se pode perder, é aquele que não queremos, e tudo queima como se fosse fogo aceso por nós, num momento para durar até o instante que permanece sendo sincero.
ㅤㅤㅤ Por algum motivo o vazio foi o conforto há tempos atrás, por um novo motivo, estamos aqui. Com tudo o fim seria certo, mas disso tudo contradiz a vida. Que não é eterna, se não até nosso último suspiro, por tempos cansamos de sorrir, mas por vez ainda estamos aqui, o que contradiz, é você, e não a verdade de que podemos ir muito mais além. Não somos imune a nada, mas sempre desejamos sorrir, ser amado, e por fim estar bem mesmo que não tenhamos aquilo que desejamos. Sentimos quando nada é como desejamos, mas vivemos as coisas como elas são. A linha tênue entre a realidade e a fantasia, é disso tudo que precisamos para escolher pelo que sofrer, e pelo que viver, até que possamos acreditar que após a vida teremos o paraíso. Somos alguém mesmo que nos sentimos vazios, somos tudo que nossos pensamentos nos pregam, somos tudo que outra pessoa não pode ser. Troque o silêncio por pensares, encontre-se onde as pessoas não podem lhe ver nem mesmo lhe incomodar... Nossos pesadelos são como sonhos, e nós como artistas que quando se fecha o palco, vivemos a nossa vida.
ㅤㅤㅤ ─ Eu pensei que poderia me entender..."
ㅤㅤㅤ ㅤㅤㅤㅤㅤㅤDo amor que eu sinto não a se quer quantia que possa equivaler o tudo que ainda desejo viver.

domingo, 8 de novembro de 2009

    
       ∙∙  Não existe o bem, como não existe o mal... Mas sim o poder sobre o equilíbrio  ∙∙
      Lembre-se de que as pessoas somente nos pedem para esquecer o que deixamos de viver, e não o que vivemos. Por que de tudo que se foi, nada voltará!
Observe apenas que seus pensamentos mais loucos, se tornam reais...
  — Todos nós somos as coisas da vida, além de que somos o nosso próprio medo, por podermos tudo imaginar. Luzes nos guiam, e o nossos pensares nos desecontram dos passos.

'Sobre trilhos de pensamentos....

  
  — Atravessamos tantas cidades, e vamos de encontro ao esperado, mesmo com um motivo na cabeça, outros parecem surgir a fim de mudar os planos pelos quais antes seriam feitos. Confuso, não? Qualquer momento no tempo, parece tão longo...
   Visava as nuvens que cobriam o céu, o tom acinzentado que se arrastava ao vasto horizonte, me impedia de ver o sol brilhar, mas não de ver seus olhos enquanto o trem partia. Além de tudo quando as portas se abriam, sentia vontade de correr, de encontro a seus braços, me via preso a um sentimento não visível, mas sentido. As gotas escorriam os vidros em suaves gotas cristalina, o vento rutilava numa brisa pesada, deixando que as árvores fossem deixadas para trás... E o trem seguia!
   Os trilhos pareciam água corrente se distanciando a minhas costas, a verdade é que eu estava de costas ao maquinista que sem se importar me levava para longe de você. Quando me dei conta, você dominava meus pensamentos, mas quem é você que ninguém sabe? Quem é você que eu nunca desejei amar? Com a cabeça cansada de pensar, parei e refleti o quanto é curioso o que é reservado pra nós, me bate a ansiedade, e fumo para enganá-la, esquivo-me dos meus pensamentos, e sinto a ti pertinho de mim.
    "Posso não ser um poeta, mas posso ser meu próprio refúgio acreditando que de tudo que fiz, e tudo que irei fazer, te conquistar é o meu maior sonho."

terça-feira, 3 de novembro de 2009

   
   — E de tudo que ousarem me falar sobre você, e de tudo isso que disserem estarão errados. Eu estarei do lado de fora, e não poderei sentir. E quando eu estiver dentro, saberei se é real.
   ·E quando seu mundo parece desabar, você tenta se esconder de coisas que não são reais, de pensamentos que nos atrapalha para uma desejada convivência... Já notou que nunca estamos certos quando então corremos, simplesmente por que está não seria uma opção, e sim desistir dos sonhos ·
Nada está certo, nada é o que parece quando estamos confusos, um semelhante atrai outro, porém, a confusão gera a indefinível realidade que há apenas dentro de nossa cabeça, pense nas coisas que conquistou, e no quanto lutou por isso... Devemos deixar tudo para trás, a fim de novamente conquistar e perder? A vida vai ser sempre assim, misteriosa e imprevisível. Nunca se deve abrir a mente para o que se acredita, só espere que digam que isso é real, aos seus olhos 'vendo. E assim nos encontramos silenciosamente. "Quem sabe? Como?"
"Nunca podemos enxergar o que são pelas palavras, mas podemos confiar naqueles que nos suportam, mesmo quando somos irracionais a nós mesmos."

   · Respiramos, e isso basta para seguir...
Eu não sei se você sabe, mas o que se passa aqui nesta mente é incerto e volátil, o que veio para nós diminui tudo que nos enternece. Se meu coração fosse de pedra, eu teria dito que não sinto nada. Sempre somos forçados a nos iludir, sofrer, sentir... Não pode ver? Isso? Eu não posso ser a cura para a sua vida, mas de todas as coisas que nunca sabem, é que somos felizes quando atraímos sorrisos. Deixe-me usar disso tudo para dizer o que você não sabe sobre. Eu pediria para que me tirasse daqui, mas o óbvio se estabelece, você não me suporta como o céu me suporta...

      E se você pudesse voltar antes de ler isso tudo?
             Descobriria que apenas desejo um abraço?

segunda-feira, 2 de novembro de 2009

          "Como se fosse num segundo...
Todas as palavras seguem um rumo."
Pelo qual nunca esperamos, e se desejado, é o que vivemos.
E se vivemos, foi de fato escolha nossa.Nos iludimos com os pensamentos, e nos encontramos com uma razão ... Escolhas e tentativas, momentos e minutos, uma sensação... Nos perdemos na sombra da realidade... Inventando um novo sorriso, pelos momentos perdidos de lembranças que apenas deveriam ser enredos do passado... De vidas esquecidas! E a noite até pode ser escura, mas isso não significa que eu não possa ver através de seu manto, os rostos iluminados. Dispostos, acreditamos estar no caminho certo... Momentos que se tornam história, após cada uma das noites que adormecemos em paz, se não noites trocadas pela insônia!
           Prefiro o escuro e seu silêncio perturbador, onde ja não ouvimos as risadas que nos fazem afundar, e não vemos os olhos que querem de alguma forma ver o sangue
Trocamos os sonhos por uma realidade, choramos sem querer, e nos encontramos nos olhos de quem poderia desejar nosso sangue... Sem ter escolhido, aprendemos no escuro. E sem ver, ainda podemos tocar, e alcançar o que era de nosso esperado, porque mesmo que os olhos não se vejam, as mãos podem se tocar. Seria diferente se não fosse assim... Sempre ousamos impressionar, e dizer o que não se pode ver... Conhecemos sempre 'alguém.'
           Por esse e todos os motivos é que as palavras se perdem e se fazem ocultas, deixando a mente a guiar os fatos, sem um som. Apenas a melodia que vaga em mente, transborda a sensação de risco que corremos quando nos sentimos entregue ao que desejamos... As palavras se tornam insuficientes, e uma troca de olhares, acontece...
Sem ao menos dizer , posso entender... e nesta confusão de palavras podemos olhar para o que tem no lado de cima, somente algumas estrelas, aquelas que escolhemos como nossa. E sempre que as vemos nos perdemos, por um segundo sobressaltamos os pensamentos e podmeos tocar a liberdade, entre palavras, e tempo...
Entre tudo o que se criou, tudo absorvemos e tudo será nosso, sempre que quisermos.
E com toda uma paciência... Pedimos um pouco mais, por que a vida não para, sentimos com a demora, e nos orgulhamos com as conquistas simples e incríveis!
Que nos dão sempre mais coragem nos atos...e deixamos de ouvir as mentiras que contam e as verdades que latejam na cabeça.
           E numa troca de palavras, invadimos pensamentos e trocamos tudo por algo indefínivel, que nos faz acreditar... Nas tentativas, até um último suspiro pelo que ousamos ter ao nosso lado.
           "Este meu ultimo dilema, do que é viver, faz de todos meus aliados, para uma taça de vinho, ao entardecer... um brinde ao horizonte e ao que podemos ver nele..."
                  Maior parte deste texto, foi escrito por 'Daiana Paiva...

domingo, 1 de novembro de 2009

          "Sonhos, eles vem e vão, vai ser sempre assim...
                ─ Despreze alguma ignorância, e ignore qualquer desprezo.

         "A alegria de um palhaço é ver o circo pegar fogo, e a alegria de seu público, vê-lo incendiar-se em chamas."
         Tais psicóticos constroem um castelo no ar, enquanto os olhos da normalidade, viaja dentro dele. Sem mesmo saber se é 'loucura', procura respostas pelas quais perguntas nunca foram feitas.
   'O que está em cima é como o que está embaixo. O que está dentro é como o que está fora' (Tábua de Esmeralda... Cerca de 3000 a.C)