18 de dezembro de 2010

Cadê minha guitarra?
Aquela música, o meu jeito?
Você vê, e nem fala-me!
Eu só sei, será?
.
Não ouço, mas sinto!
Muda! Porque suporto
Como autor, apenas
Sincero, e seu negador
.
Amanhã é outro dia
Gosto de ter por perto
As sensações, a vida
Tudo! Simplesmente...
.
Como é Londres?
Já reparou? Nem pensou, eu sei!
Não! Eu ´já
Lá o dia nasce
.
Em outro tempo
Este segundo, eu!
A vida, tudo
Minhas altas dinastias.

"Na vigília dessa noite, enquanto todos dormiam. O mundo a se mover sem perceberem da mesma forma ao estarem todos despertos. Movia-se ...