14 de dezembro de 2010

S aúdo o sentimento
A té que não acabe
U nindo os pensamentos
D e um lado para o outro
A té encontrar-te
D iante dos meus olhos
E assim continuar
S empre a sentir.

S A U D A D E S

Quis escrever nas noites mais frias e longas das quais cada um dos meus pensamentos eram naufrágios. Mas não fui permitido a escrever com pe...