Levanta-te

"Isso tudo aqui é muito lindo ... Mas não sou assim,
sou o que falo quando não penso pra falar."

__________________________________
"Direitos Autorais."
Os direitos autorais são protegidos pela lei nº 9610/98, violá-los é crime estabelecido pelo artigo 184, do Código Penal Brasileiro. Não copie sem divulgar a autoria !

quarta-feira, 31 de março de 2010

  ─ “Persistente... Encantador de mentes.”
"Posso ver em seu rosto como alguns gostam que o vento, sopre. Por isso cavalgo em cavalos que as crianças desenham. Elas gostam de tudo. Quero que desenhe uma linha, e depois uma flecha, você se importa?"
      Para que o dia seja mais belo, sinta-se bem, a partir daqui.

terça-feira, 30 de março de 2010

"São palavras que saem... Longe de promessas que se faz. Falamos sem pensar, imaginando ser o certo. Sentimos pelas verdades, e nos perdemos quando nada foi sincero. Me deixo levar pelo que sinto. A noite que nasceu para todos que a merecem, sua escuridão é terna que pode nos esconder. E podemos assim nos aconselhar ao pensar no que fizemos desejando então consertar ao ver a luz do sol, brilhar novamente."
   ─ “Preciso e necessário, um instinto poético. Lirismo nas palavras, sutileza em versos. Sem saber como parar, forte como águas corrente. Tem minutos e horas, segundos e tempos. Forte como montes e picos montanhosos. Puro como gotas de uma chuva de verão. Suave como o perfume das rosas. Idealizava desejos para que depois os possuísse. Fixava-se na margem do horizonte, se encontrava. Em distantes paisagens, suas intocáveis pinturas. Em desertos escondia seus sonhos. Era um caminho de reentrâncias... Poeta, Luar.”
      Um lugar de palavras infinitas, e atitudes que serviam de cura.

segunda-feira, 29 de março de 2010

“Uma fonte e um norte.”
"Engraçado como o impossível era o que me parava e hoje, é apenas o possível mais desejoso de se realizar."

[ Sentinela ]

"Foge, não tenta... Corre, não arrisca! Se esconde e não persiste, chora mas depois esquece... Dorme e sonha, vive e não sente. Pensam e não massificam, diz sentir mas são só palavras. Ama, mas não sabe do que está dizendo! Sofre e não sabe o porque. Tenta e não consegue, para e não continua. Eu vou, eu venho... Eu tenho, as vezes deixo, pode ser de outro. Sou um sentinela, que evoca magias atemporais. Realizo, e vivo. Durmo, e apenas sonho. E então isso segue por toda a minha, eternidade. Cada vez mais firme em meu núcleo, sou majestoso, quando me levanto e flagrante do que vivo por não sonhar."
"Não preciso de braços ao meu redor
Não preciso de drogas pra me acalmar
Eu vi as escrituras na parede
Não acho que eu preciso de algo
Não, não acho que eu preciso de algo
Nós não precisamos de educação
Nós não precisamos de controle de pensamento."
      [ Trecho de, Pink Floyd; Another Brick In The Wall ]

       ─ “Na escola, aprendemos a ler e escrever. No mundo a viver. Com o que desejamos podemos ter, viver, atrair, ir e vir. Com o que falam nos confundir...”
Gary, Gary, Gary...
Era um garoto mal... Gary, Gary!
Era um menino que travava tudo...
Gary, Gary, Gary... Era também um animal...
Oh my gooooooood."
Gary, era um chifrudinho, também...
Gary, Gary, Gary... Gary, Gary... Gary!
Era o Gary, ooooooooooh, Gary...
Era o sorriso de um doce menina, chamada, Nina Mell!
Juliana, Fernanda... Patrícia, Maria...
Gary... Gary! Oh, Gary.
Gary, bebia... Gary, fumava

"E um a um se vão... Qual era o da vez?
Corria o risco de sobrar, e eventualmente
poderia se arrepender, mas todos os lugares
era dele, Gary, era eu, Gary tinha um pouco de você
E tentou, e tentou, ele tentou continuar
Se empenhou pra não desanimar."
        ─ Não sei se tenho aqui as melhores palavras para lhe dedicar um belo dia. Mas de qualquer forma transformo minhas simples palavras em poesias, pode ser que não te faça sorrir, mas pode ser que transforme o seu dia. Um devaneio fantasioso, encantador por natureza a qual as palavras que leu, fez com que sentisse de viver agora algo diferente. È pode ser que, eu não seja dos melhores, mas de uma forma ou outra eu não sendo...
                                Sei que és maravilhosa...
                E tu sendo, eu serei... Mesmo que as épocas mudem.

domingo, 28 de março de 2010

Só não pode se não quiser! Pois quando quiser, poderá.
*Tu queria... (?) Porque não queira novamente e então veja que pode.*

[ 'Desastres Acontecem' ]

     Especulações dos sábios
Observo o tempo passar
vejo a fé do homem o fraquejar
Ergue-se obstáculos em seu caminho
eles nunca poderão se quer
nos ensinar...
As coisas que já sabemos
Sonhos que se estilhaçam
por não terem sido realizados
nos voltam a um novo
ponto de vista
como as novas dúvidas, crescem
Quero é caçar um arco-íris
Acreditar em si mesmo
para que os outros acreditem em ti
Voando livre...
"Não importa, ou interessa
aquilo que já fizemos
A cada dia nasce uma nova vida
como também sinto-os
apenas começando."
"Não é complicado quando se pode fazer algo. Complicado é ver numa dificuldade uma paragem no tempo. Nos impede de pensar numa solução, quando estamos achando ser complicado. De complicado para simples, do simples para seguir em frente."

sábado, 27 de março de 2010

"Na verdade falar de um sentimento, não é difícil... Mais fácil será senti-lo sem dizê-lo."
    ... São aquelas fotos e estes
os seus sentimentos. Algumas vezes o silêncio
Sorrindo com estranhos, costuma contar os dias
tornando-se um seresteiro da esquina
Neblina que encobre os poste, ofusca a luz.

Lugares de penduricalhos, cada lágrima
a forma de um sonho, gotas pingadas
sobre taças de cristais
Não respondia, mas vivia

Eu danço neste linho de palavras
coloridas, se enroscam
Os olhos se transformam em mapas que seguem
linhas de palavras tresloucadas

Qualquer lugar se torna seu refúgio
a loucura sua percussão
que revista agora o seu silêncio
a liberdade de escrever e sermos o que quisermos.

            ─ “Não há algo errado. Como não há algo que seja certo. Eu serei o um, e eu serei o dois. Eu sou todos, e sou um. Só não sou vocês. Uma lágrima e um doce sorriso. A mão que pragueja, e a boca que beija a rosa. Sou um sonho e uma realidade. O medo e a coragem. Posso estar, ou se quiser ir embora.”

sexta-feira, 26 de março de 2010

Os olhos me passam uma impressão. E minha mente cria vida.

quinta-feira, 25 de março de 2010

"Pare seu choro, isso é uma mentira. Tão como você começa e para. Você sorri e destrói este brilho. Você quer, e então tem todos os brilhos."
  ─ “Esse tal viajante que é o amor... Fugiu de mim, para me encontrar quando eu estiver perdido. Essa tal de estabilidade que lhe faz louco por se incomodar por um outro.”
   ─ “Não fazemos o que querem. Mas fazemos aquilo que somos."
"È aqui que meu tempo voa. Passa vagamente a medida em que os minutos se vão... Tempo que invento as palavras, e reinvento a mente."

quarta-feira, 24 de março de 2010

   ─ “Qualquer coisa que você quiser, você pode tornar seu. Você duvida? Hum... tente me impedir!
"Como posso mudar por alguém disfarçando aquilo que sou?"
Como é que vai fingir ser outra pessoa quando se pode ser o que podemos...
"Queria ter nascido no lixo e não precisar lutar pelas coisas que quero. Mas uma conquista vale tanto que... Não consigo te explicar, mas se sentir, vai até querer, experimentar a paz em sua solidão. Muito... Não consigo parar de escrever, cada segundo, um momento... Cada momento, a poesia. E a cada poesia, uma vida que se ressuscita...E a cada nova vida, uma desejada filosofia. È como o sol, a lua as estrelas... Tudo se mistura, mas não precisam se confundir."

[ Sintonia, sem chuva ]

      ─ “Pode ir... Pode, ela vai, não tem medo. Era tudo muito lindo, o som que apitava o ar com os ventos, fazia ela dançar. Sua mente relaxada, o mar que parecia querer devorá-las... Mas a metros estava, um banho lavaria sua alma, mas as ondas quebrava, qualquer mal que ela podia sentir seu passado, ela amava por não mais vivê-lo. Das histórias que não havia num livro ela era as flores de contos nunca vistos... Na cidade as meninas comemoravam com bebidas, carros em alta velocidade, bares lotadas e patricinhas nos shoppings, o sexo comprado por um preço baixo. Uma flor entre sua orelha & cabelos que dançavam com o vento. A grama que pisava lhe parecia tapete... Um sentimento bom, dentro de ti. A magia em seus olhos e um incenso que lhe purificava. Ternura em seu sorriso, perseguindo seus sonhos, enquanto na cidade; As pessoas viam a lua, as estrelas o horizonte longe carregando seu querer. Era tudo muito lindo, mas quem tinha era ela que dançava iluminada pela luz do luar... "Ela ia, e sabia que se não fosse aquilo que as pessoas em sua volta desejavam. nunca foi aquilo que quiseram. Não gastava deleites de boas sensações com os outros, era uma restauradora de sonhos, e heroína para aqueles que nunca as conheceu."
Havia a esperança de que encontraria alguém... Só não a certeza de que ela poderia viver da mesma forma, até descobrir o poder das; Palavras...
"Não sonho enquanto vivo... Sonho ao dormir, e querer realizar sonhos é perca de tempo, quando podemos ter, de alguma forma coisas reais."
"Eu encanto com poesias. E ressuscito com a filosofia."

segunda-feira, 22 de março de 2010

“Sinta-se da forma que bem desejar, e notará que as sensações, são aquelas que pensamos. Se algo der errado, é uma questão de simplicidade para sorrir, e fazer de uma aflição, diversão.”
    ─ “Na vida, as coisas não são como você as serve. Mas valerá o quanto está disposto a mudar, por ela. Fazendo com que a vida o sirva.”
       ▪──▪ Ela tende-a crescer, asas floridas
por novos caminhos aproveita a sua liberdade
Atravessando campos de flores, longe de sua consciência
flui como ondas ao voar, quieta, encantadora
fruto daquilo que deseja viver ou onde estar
quem sabe até dos dois
entristece, e quando menos espera
descobre que não teve um fim
preenche qualquer vazio ao olhar perdido
possui cores dos mais belos sonhos
pincela o céu se misturando com a vida
não pousa nos espinhos, mas as vezes beija a rosa
(Da da da da da da da da)
Seu som estéreo me lavara pra longe que me
perdi achando estar no lugar certo
se desfaz em formosura... Borboleta."
"Seus problemas, podem ser passa-tempos. E por algo pode-se tentar fazer aquilo que pode evitar os problemas que possui, de forma simples; Você passa a suportar aquilo que te incomoda, e então ajuda a quem seria parte do seu problema. Não se pode pensar que não iremos conseguir, mas pode-se conseguir a partir do segundo que estamos prontos para pular poços de problema, e abismos de sofrimento."
      Essas filosofias... Encantam até o mar. Arrebata a tristeza e faz nascer um sorriso. A estas filosofias, que nascem em meus sonhos, e se idealizam a cada dia. Faz brotar um novo amor, para sentir o que é a vida. E estas poesias, faz morrer a depressão, para surgir uma nova vida. Cria estradas num caminho, e deixa pra lá ao longe os atalhos. Aqui eu te faço desejar a liberdade... Não pense que aqui passarei dos meus limites, não somos inconseqüentes em função daquilo que não querem. Mas podemos ultrapassar os limites quando sentirmos que irá nos fazer bem. Tenho a liberdade e não poder.
          È aqui que eu vou transformar o meu, amanhã...
      ─ “Não iremos conseguir realizar um sonho sobre as pessoas que amamos, ou conhecemos. Mas através das pessoas que amamos e conhecemos. Poderemos inventar sonhos. O tempo que passar, será o espaço dos abraços, os segundos que se forem, abertura de novos dias. E sempre que o amanhã chegar hoje, notaremos que através de pessoas reais, conquistamos. Sonhos e pessoas são pequenas demais, para o que podemos fazer.”
Um caminhar, indeciso... Tudo tão novo, confuso. Fazendo isto, uma e outra e outra vez!

sábado, 20 de março de 2010

"Sou eu quem defino as coisas, que há em mim. E não meu olhar que procura em outras pessoas significado de, palavras."
     "Posso inventar um significado sobre esta palavra?" A qual parece; Espelhar ao que faz? A algo que é? Hum!
          È o que fizeram antes de nascermos, então crer em uma palavra, seria apenas acreditar naquilo que podemos fazer por si só, seguindo nosso caminho, criando nosso destino. Inventando momentos, esquecendo aquilo que não nos importa.
   "Coisas que precisam mudar, aqui mudam. Eu não falo"

sexta-feira, 19 de março de 2010

Quando tiver críticas, agarre-as e as transforme em sorrisos, quando sorver lágrimas, limpe-as e regue suas rosas. Quando então notar que tudo que é ruim, nos dá força, passará a viver da forma que deseja, não há nada que possa nos parar se não nós. Se podemos mover um trem ao ir a estação, quem disse que a tempestade pode nos arrastar? E o vento nos levar... Ele nos refresca e nós vivemos em um mar de bens.
"O ódio que falo é amor... Desejos, querer, estar, ver, sorrir, dividir, Sonhaaaaaaaaaaaaaaaaar... Não há más intenções, mas pode ser que elas sejam irresistíveis e incontroláveis! Sobre o ódio que falo, ele não existe em sentir, mas pela palavra o transformo em qualquer coisa que seja boa."

 [ Arredios e perigosos aos estranhos.  ]

“Uma mente crédula tem o mais sensacional prazer em crer nas coisas estranhas. E sendo mais estranhas, com facilidade serão aceitas; Pelas coisas normais, iguais, plausíveis, facetas. Todo mundo poderá acreditar nelas.”

quinta-feira, 18 de março de 2010

"Nunca haverá nada de errado em pensar que somos tolos, quando na verdade estaremos sempre fazendo algo que se torna superficial a inteligência; Pensar. O que nem sempre é real, mas se torna quando; Desejado."
     ─ “A concepção de um poeta, é descrever as sensações que se pode viver. O destino do homem, é a concepção que o mundo lhe dá. Podendo escolher o que fazer, traçando um novo destino sempre que tudo parecer impossível. A concepção de um filósofo, é escrever sem pensar sentindo cada palavra escrita. Com a intenção de provar ao homem que em qualquer lugar que esteja seu movimento cria um destino, e que as sensações as vezes é de pura poesia.”

quarta-feira, 17 de março de 2010

   [ Discurso ]

    ─ “E então neste momento meus pensamentos, começam a se massificar. Embora sejam apreensivos pela ansiedade que engano ao tragar um cigarro. Eles ainda permanecem sendo coisas que voltam pra mim. E me encontram, magia além de um atemporal. E por toda a minha eternidade isso segue como viver, deixando que cada gesto e palavra, criei meu próprio destino.”
"De que nada que possamos fazer seja ruim... Talvez seja algo que não nos agrada. Por isso ainda há quem aproveite o que está no lixo, andei por lá. Encontrei tantas coisas, que via na perfeição a igualdade de forma, e no lixo a desigualdade de encontrar peças diferente para montar algo único."
"O até é; longo... Prefiro o 'momento' de nos revermos.
Em todo o lugar que eu vejo e passo, há um não-convidado.
Abrigo será sempre um privilégio do sensato e competente
para atrair pessoas, o que são reais. O resto se torna passa-tempo."
     Um lugar onde tudo pode ser certo
um lugar onde tudo pode ser errado
mesmo assim alguém parece, ser sempre
o oposto de um acerto e um erro
uma tentativa não requer qualificações,
já estivemos aqui antes, vamos estar lá
qualquer hora.
Vou chegar onde quero quando errar
vou me satisfazer quando acertar.

E por favor, não seja impaciente
Ninguém por fim quer ficar esperando numa, fila
se estiver lá sem um pensamento, o tempo passa
a eternidade é mais longa do que uma fila
porque se irrita tanto? Se é um longo, tempo
Finjo que nossa vida é uma mistura de dor e amor
pássaros que voam contra furacões.

Se há uma coisa que devemos fazer por nós,
eu não sei. Sei que temos a obrigação de fazer
"È eu prefiro o movimento, ao invés do equílibrio."
      ─ “Inventando idéias, para viver com sorrisos sinceros!

terça-feira, 16 de março de 2010

[ Arredios & perigosos, Interprete do teatro da mente, uma vida. ]

Às vezes eu acho que ela é apenas a minha imaginação; Às vezes você pensa que tudo que tem, é ainda insuficiente para poder continuar. Às vezes eu acho que isso é apenas a minha imaginação; Às vezes você se encontra no mesmo lugar, porque insiste na mesma coisa. Às vezes penso que estas coisas é só parte da minha imaginação; "Às vezes você vem aqui sem mesmo pensar que encontraria este lugar. E agora eu penso que tudo posso através daquilo que imagino."

    ─ “Que de um sofrimento e dor, se levante. Do horizonte de pequenos e poucos ideais, tu confronte-o. Da vida monótona, que ousa por tardias. Tu abandone... Não sejas parte de suas decisões. Seja apenas responsável por elas. Pois elas serão muito mais do que sua própria existência.”
                      "Quando ouve uma história de terror,
                                 reage com arrepios, e sustos.
                      Quando passa a imaginar o medo, através
                                 de suas reações, você o vive."

segunda-feira, 15 de março de 2010

    (...) Quando sente-se o medo a dor, temor, prisão, falta de compreensão. È parte de uma missão que imponhamos em nós mesmo. Para que possamos por si só cancelar aquilo que criamos por pensar "Um sentir pelas palavras." Não há o que temer, não há o que não se pode controlar. Só se mata aquilo que criamos, se deixa ir aquilo que não desejamos. Minha auto-liberdade nunca foi autoridade ou poder. Se eu me libertasse das coisas que sinto, seria deixar de existir. "Meu inimigo íntimo é aquilo que ainda não sei de mim." (...)

"Feito de tempo, por todo o tempo...

      Tenho tempo para sorrir. Tive para entristecer, tenho tempo para minha solidão. E tenho um tempo para minhas alegrias. Tive tempo pra cantar, hoje tenho pra interpretar a arte que é minha vida. Teve tempo em que nada dava certo, e hoje há tempo de fazer das coisas simples as mais belas. Teve tempo em que chorei... Agora tenho tempo para lhe contar uma história. Você teve tempo para me falar, e eu te ouvir. "Tive tempo de andar, e teve tempo que nem mesmo vi o tempo passar, adormecia para não deixar o tempo me ultrapassar." Tempo para pensar, como o tempo que te fez querer, e agora um tempo para conquistar. Tive tempo para gritar, o tempo agora acalma-me para baixo falar. Tivemos tempo para nossa depressão, e amanhã tempo para estarmos livres de qualquer fantasia de nossa mente. Lembra do tempo em que era criança? Hoje tempo de continuar a ser feliz. Um pequeno tempo pra achar que estava tudo bem, e um longo tempo para até se sentir bem. O tempo que lhe conheci, e o tempo que ainda não vivi para te conhecer. Um tempo que quero, para agora poder te ver sorrir. . . A poesia do tempo, não é aviso. A poesia deste minuto, é meu tempo.

      E sobre chuva. . . Eu, adoro a chuva. E até suporto o calor, mas prefiro o tempo assim, frio, um luar fechado com nuvens brancas e céu escuro. Não há `tempo´ melhor para então ver as estrelas e fumar um cigarro...
                              “Feito de riquezas mortas.”
     Para um amigo, que o tempo me dedicou// CleitonSuicide

domingo, 14 de março de 2010

          (...) Sorrisos, planos, promessas demais. Tempo, eu, você... Amanhã, depois (...) Este lugar ainda é meu. Meus sorrisos são sinceros, meus planos passatempo. Minhas promessas não feitas, o tempo eu tenho. E você agora inventa (...) Amanhã um novo dia, cheio de sorrisos. Depois algo que ainda não vivi."
─ O vento na verdade não pode realizar nossos desejos... Mas sempre arrasta eles ao ar, para que possamos ter aquilo que parecia impossível. Ele não pode nos impedir daquilo que queremos, mesmo que seja oculto... Porque se oculto é; nota-se que teremos se fizermos algo por qual desejamos ter."
"O olhos abatidos esconde uma alegria imensa. Por isso aquele que os vê, tem o poder para fazer esta alegria real."

sexta-feira, 12 de março de 2010

     ─ “Ele agora queria ela, e iria chegar até sua alma. Ela o esperava porque logo chegaria até seus pensamentos. Ele precisava de algumas coisas, e ela poderia fazer tudo aquilo real. Era um sonho sobre ela & ele. Sobre você & Eu...”
   ─ “Das coisas que necessita um homem, ele as destrói. Das coisas que destrói o homem, ele as consome.”

quarta-feira, 10 de março de 2010

    ─ “Oh! Porque se torturas, tanto
com as palavras que formam promessas
se tudo que ela lhe oferece é som, que
por fim apenas lhe tirar míseros sorrisos.
E nada mais

Mesmo assim, não me custa
dizer que tu, vai para o inferno
e volta, como bem deseja
as promessas não são fortalezas
mas nós somos nossos próprios abrigos
para o que queremos dar.

Não palavras, mas gestos
se obscenos pelo desejos, se carinhoso
por um amor que não falado será sentido.
encontrei a saída quando pensei estar
perdido.
Só percebi que perdido poderia me encontrar.

"Não acredite em minhas palavras. São ilusões, que se transformam em realidade."

terça-feira, 9 de março de 2010

"Desejos passam, como romances, então se matarmos eles, e nos vier de novo, pode se transformar em amor, sem querermos!
"Me amo tanto que privo meus amigos, colegas, de um amor desejado... Amo tanto, que não desejo que meu amor, seja uma mentira para quem ama como eu consigo amar! Amo tanto que tudo que vivo é poesia, amo tanto que sofrer pra mim, não existe, porque sou verdadeiro ao dizer que sou amor quando dizem que sou, um homem qualquer. Pode parecer utopia, mas eu acredito que você verá que tudo que quer tem nome, como um certo lugar para ir e encontrar."
    ─ “E ela sabe que não precisa esperar, pois tem... E ele sabe que ela sente-se como ele. Porque se não fosse assim, esta história teria acabado sem mesmo ter começado!
"Encantava-me com uma simples folha,
uma rosa-cor-duquesa
De-repente, ela se fez azul,
uma pétala que caía, sobre o vento
ela voava como se desejasse um novo lugar
Meu olhar que perdido a ela estava
fez com que meus passos a seguissem
Um pouso sobre os arbustos floridos
eu sabia que ela me conduzia a um lugar
que eu nunca fui, arrisquei sem pensar
o que eu sentia, era único
fiquei parado ali, até me encontrar a um olhar
que ainda não vi, podendo sentir seu cheiro
Duquesa-cor-flor... Que me fazia viajar no amanhã
vivendo meu agora, com a sensação de que
nada era ruim, mas tudo era da forma que
estamos a ver e sentir as coisas."

segunda-feira, 8 de março de 2010

"Diferente de ser o mal! Cruel aquele que suporta ver o mal que era para si, implantado aquele que o gerou"
"Por vezes tenho a impressão de que falam mal de mim. Por este tempo, tenho a certeza de que sou notado. Por alguns segundos pareço ser aquilo que não se importam, mas de tanto ouvir falar de mim, sei que não poderei ser esquecido pelo que sou."
     ─ “Sei que estamos totalmente determinados e lá poderemos estar. Sem mais algum engano, não precisaremos se quer de uma conversa. Eu aposto que muitos irão se incomodar, e tenho a certeza de que muitos ousarão agora encontrar.”
  A mulher em dia, disse para o homem; "Você nem tem o seu dia!" O homem, sorrindo olhou pra ela e então lhe respondeu; "Isso porque todo os dias, são iguais... Se repetem, as datas... por isso prefiro aproveitar os que posso viver sem um rotulo que definem alguém. Quero mais que um dia, quero algo que não existe. Mas ainda sim, parabenizo as mulheres, por terem um dia que ano que vem se repetirá."

"E sempre após perder o sono, pense nele. Isso lhe permite um novo sonho... Assim como sobre os pesadelos, são apenas peças teatrais que inventa nossa mente quando inconsciente."
       "Se o sopro dos ventos não suavizassem com o tempo. Os eventos que vivemos, nos dias passados, seriam apenas com um peso em nossa memória. Pelas palavras, se transformam em pessoas de fibras. E aqui neste lugar, feito de 'riquezas mortas' o valor parte daquilo que é considerado um nada... Era do que orgulho que partiria as alegrias, trocar a audácia com a prudência. Movimentos para não viver apenas pelo equilíbrio. A sinceridade no lugar da máscara. Das coisas caótica fazendo surgir um novo tipo de felicidade."

domingo, 7 de março de 2010

    Mulheres, que as vezes parecem enfeitadas
roupas douradas, que por vezes transparecem sua ousadia
como se fosse em sonhos dourados, um dia cinzento
como uma noite sem sono, e um dia sem cor.
Mulheres não merecem sonetos, mulheres merecem
Incompreensão...

Os homens contavam os segundos, e elas
os dias que pareciam infinitos...
Que se perdiam as estrelas,
mesmo quando nunca esteve caindo.

Um tempo que poderia se esgotar
e quanto mais alto ela escalava
maior seria sua queda, e quanto maior
sua queda, mais longa seria a sensação de liberdade,
do alto a visão de tudo.

Tudo que ela queria, e tudo aquilo que era fantasia
Tudo que sobrava em baixo era fantasia,
e tudo que ela queria estava além do que olhos via
escrava de um querer...

Com apenas um caminho, era repleta de estradas
gostava de coisas que não se via, ou se tinha
de coisas irreais, para que pudesse conquistar
quando sentisse os pés no chão.

       "Dedicado a, Priscila... Neste belo dia, o dia da, mulher//.
Homens são feitos de desejos, e através de desejos, o homem descobre o que quer. O homem esperto, não trai sua mulher. O homem inseguro de si, se trai deixando de amar, a mulher que o ama!
     Se me disser que sua vida, se resolve com palavras, leia estas; Me veja agora longe de sua realidade. Para sentir que nada que quer, será tão simples quanto falar. E então, fazer você sentir! Se você acreditar naquilo que dizem, estará sobre ilusões que não existiram. Se fizer aquilo que deseja, terá aquilo que lhe disseram ser impossível.
      ─ “Arrisque, quando não falar algo. Faça quando estiver longe de suas, promessas.

sexta-feira, 5 de março de 2010

       ─ “Sua doença, transformou-se psicológica. Para que sua convicção seja sua única e saudável cura.”

As vezes nego meu corrupto coração
para descobrir se minha mente, me dará alguma razão.
È quando escrevo, filosofia
As vezes me reverso para não ser monótono
esqueço a mente que me engana
resgatando meu próprio coração
é quando escrevo, poesia.

De tudo isso que é permissível
“Eu sou, poesofo... Ou pode ser que eu seja um filoeta.”
Um médico, particular, sem consulta marcada...

quinta-feira, 4 de março de 2010

“Eu sou poeta, filósofo... E escritor, e o que posso fazer se não pensar no que terei de fazer para as coisas que escrevo, são elas minhas companhias, mais belas. Sinceras, suaves, e acolhedoras... Tão como faz com que as pessoas sejam felizes. São palavras que saem do coração, mas guiadas pela mente, uma mistura de realidade para fazer a fantasia acontecer.”
       ─ “È necessário experimentar o que seria um vício para sentir um gosto. E para compreender o conhecimento daquilo que é esquecido, é necessário o caráter para então... Esquecer de um simples gosto.”

Rosi... Rosi - Mayre.

     Um rio selvagem por onde flui
águas calmas e cristalina
Passos serpenteados, por vales
feito de rochas
Um sentimento único para sentir.

Chuva libertina a molhar tua face
titânica para dançar
lançava-se com um espírito
para uma aventura sem fim.

Dançava sorridente, impetuosa
uma doce mulher imperiosa
Rosi, Rosi... Mayre.
Mayre, contempla seu olhar
com os raios de sol rasgando a escuridão.

     ─ “De todas as suas experiências, o sol lhe dava forças renovadas. E sempre que o sol se escondia, seus passos contemplavam o luar.”

terça-feira, 2 de março de 2010

"Feliz eu sou por traduzir minha vida em poesia...
As minha palavras são ruídos do descaso,
a minha fantasia é sempre te encantar.
E para me entender, tu não precisa de pressa
Porque dos oceanos extintos
jazem coisas que nos procuram."
  ─ O que é certo é o que é errado. E o que é errado é aquilo que é certo...
Você pode então se prevenir, ou apenas ser forte! Rápido o bastante para então fugir. Ou terá coragem o suficiente para ficar onde quer que esteja.
De qualquer forma, você agora sabe que pode."
     ─ “Haverá um longo caminho para percorrer. Há um lugar alto para conhecer.”
As vezes como não há um amanhã, você parece querer matar seu dia. Você sente que pode estar havendo algo... Olha através do espelho, e a seu redor. A cada vez lê um jornal, ou ouve alguém, descobre que sua mente é arrumada por outra pessoa. Uma pessoa como outra... E você se torna um modelo, que você se quer poderia escolher. "Lugares dividem os sonhos que as pessoas podem compartilhar." E esta minha melodia, segue para sempre... Para alguém que anseia ouvir, mas aqui apenas sente. Irá acenar, e eu posso concordar. As vezes é estranho, como a vida é um jogo. Não pense o que querem, porque nunca será a mesma coisa.

segunda-feira, 1 de março de 2010

     ─ “Voar, é algo maravilhoso, e nem todos fazem quando se pode... E você pode a todo momento.
“Siga seus sonhos, por mais idiota que seja. Porque nada será mais idiota do que tentar seguir um sonho sem sonhar.”
  "Talvez não precisemos aprender, mas sim ,ver, sem falar... Escutar e pensar, refletir e querer, acreditar sem receio."