Levanta-te

"Isso tudo aqui é muito lindo ... Mas não sou assim,
sou o que falo quando não penso pra falar."

__________________________________
"Direitos Autorais."
Os direitos autorais são protegidos pela lei nº 9610/98, violá-los é crime estabelecido pelo artigo 184, do Código Penal Brasileiro. Não copie sem divulgar a autoria !

sexta-feira, 25 de março de 2016

Noite finda,

Desliza nuvens
E o tempo,
Por nós passa
Feito o vento

Rompemos o instante
Com um breve pensamento
O que queremos?
Pelo que nós somos?

Que merecemos?
Se quase nunca
Nada fazemos a regar a flor
Que distante, nem notamos

E quando perto
Assim, estamos
Pisamos, sem pudores
Que o olhar ao invés do gesto ...

Nos traga a razão
De também nos transformarmos
Em tão simples vaso,
Que se quebrado

Seja ele novamente
Refeito, caco a caco
Posto a semear os pensamentos,
Os pedaços vitrais

Assim, como nuvens
Se desfazem, deslizam
Façamos de nós, um amanhecer
O poente de um cais emaranhado ao mar.
 # E então quer dizer que seus pensamentos têm sentido! Mas tuas ações não têm nenhum significado?

sexta-feira, 4 de março de 2016


[O campo]
        //A essência da vida, o espírito
                                            [O encontro]
                                                         //A razão da existência.
              (A alma)

quarta-feira, 2 de março de 2016

Devasta fria brisa que trás o vento, os sentidos que a pouco despertam. Traz-me, como transeunte sensação que toma-me, pouco a pouco, em ser o que simplesmente despoja de uma paz que os olhos não vê, mas sente a alma. Uma liberdade, em nada fazer, e ser até triste, mostrar-me um turbilhão de sentimentos, pois estamos vivos. A mais pura leveza, de uma fonte cristalina, que jorra água pela qual nenhum homem pode tomar, mas beber o instante e o resto calar, só para sonhar aquilo que está do outro lado...