22 de março de 2010

Um caminhar, indeciso... Tudo tão novo, confuso. Fazendo isto, uma e outra e outra vez!

Quis escrever nas noites mais frias e longas das quais cada um dos meus pensamentos eram naufrágios. Mas não fui permitido a escrever com pe...