7 de maio de 2010

"Sumariando... E os pensamentos vão longe, para se desfazer do passado! Seus olhos, um espelho de hialino... No sertão a lua se ascende pela bondade do sol. E quando se sol se vem, leva seus raios para outros lados. Mas como terrificante a lua persiste então ficar paira nos céus. Como quando usa sua vontade para fazer o seu próprio destino. Um momento propício é este de querer."

"Atenua-se no vasto céu negro antigas estrelas e esplendorosa e formosa lua...

Fazendo mundos surgirem junto a sensação do vento noturno Solstício outono também declama o amor as folhas Onde cada uma delas também...