26 de setembro de 2011

"Gestos impensados."

"Que vai se indo como um trem nos trilhos. Que dá sinal de partida para poder voltar. Assim como se chega nas estações."
_______________________
De tempo em tempo
Ao segundo das horas
Com chuva e sol
Da noite ao dia

Em alma ao corpo
Em idas e chegadas
A realidade ao sonho
Começo e meio

Seu tudo ou nada
Se queres ou não
Contrariando as razões
Que são boas ou não.

"Atenua-se no vasto céu negro antigas estrelas e esplendorosa e formosa lua...

Fazendo mundos surgirem junto a sensação do vento noturno Solstício outono também declama o amor as folhas Onde cada uma delas também...