12 de agosto de 2013

"Cai a noite sobre campo
Candeio o som do vento
Que parte a copa de árvores
Se desfolham assim, como o tempo

Que passa e deixa o sentido
Do frio, do silêncio impacto
Uma serenata lunar que entoa
Desfaz-se em medos alheios

Uma forma de transformar
Trovão em calmaria
Assim como a vida desbota em flores
De um amor eterno que desejo

Época  que se quer chega
Tempo que se quer passa
Basta imaginar para se ser feliz
Assim como toda escuridão se esvai."

Nós que confiamos em Deus, sabemos que não é  porque podemos uma ou outra coisa que a vida se realiza ou está realizada, mas é na superiorid...