Levanta-te

"Isso tudo aqui é muito lindo ... Mas não sou assim,
sou o que falo quando não penso pra falar."

__________________________________
"Direitos Autorais."
Os direitos autorais são protegidos pela lei nº 9610/98, violá-los é crime estabelecido pelo artigo 184, do Código Penal Brasileiro. Não copie sem divulgar a autoria !

segunda-feira, 18 de agosto de 2014

Caminhando no sentido do horizonte, onde sigo uma estrada!
Que trespassa as linhas que as que penso serem, mas não,
Nada é assim, pois o vento passa.
Escolhi este caminho. Estas estradas são minhas
Não escolhi as trilhas, desfiz-me dos atalhos, e sigo
Como quem sabe que um dia vai chegar
Se ao destino certo, se quer sei!
Assim aprendi, que nem tudo brilha
Quanto o sol, pois há dias nublados
Assim, sempre chega o verão, o inverno
È lindo ir além-do-que-se-tem, sem roubar, tomar
Eis que surge assim em mim, um novo pensamento
Não foram as minha lágrimas, grandes rios
Mas se formaram em grandes histórias, que sempre as vivi
Que não voltam, que em tudo me ensinaram
Que toda terra necessita de água, para dar seus frutos
Se fui um sonho, hoje realizei
Aquilo que chama-se milagre eterno, impossível realizado
Não pelo sangue de quem partiu,
Mas de quem permaneceu assim, desejando o horizonte
Como um tesouro perdido que se desvenda aos olhos...
    Em mim, há um lugar secreto, chamado ALMA.