Levanta-te

"Isso tudo aqui é muito lindo ... Mas não sou assim,
sou o que falo quando não penso pra falar."

__________________________________
"Direitos Autorais."
Os direitos autorais são protegidos pela lei nº 9610/98, violá-los é crime estabelecido pelo artigo 184, do Código Penal Brasileiro. Não copie sem divulgar a autoria !

segunda-feira, 27 de outubro de 2014

Sombras de um olhar cadente,
Prostado sobre o alto monte
Que visa o mais belo luar
Lúcido de estrelas que dançam

O olhar pairo entre as nuvens
Que navegam e detratam os sonhos
Pois a noite sem sonho
E a sonho sem que haja sono

Um briljo envolta da escuridão
Trazendo a verdade que vela a vida
Que de inteira se faz em partes
As vezes quebra e vem o tempo

Fragmentos de um segundo que desvenda
O mistério além das ondas do mar
Que de cheio jamais se entorpece
Só esconde e leva teus segredos

Para além do alcance qualquer
Olhos que buscam, desejos que alcançam
Navego assim sem medo,
Pois creio em mim, antes dos homens."