Levanta-te

"Isso tudo aqui é muito lindo ... Mas não sou assim,
sou o que falo quando não penso pra falar."

__________________________________
"Direitos Autorais."
Os direitos autorais são protegidos pela lei nº 9610/98, violá-los é crime estabelecido pelo artigo 184, do Código Penal Brasileiro. Não copie sem divulgar a autoria !

quinta-feira, 19 de maio de 2016

  # Este sentido tempo, onde chove lá fora e cada gota da chuva se faz como uma melodia. O tempo pairo sobre uma noite misteriosa, mas só no sentido de existir. Tão confuso sentir o coração bater, sem que a mente possa conduzir-me. Cada gota como um orvalho, faz tanto tempo que não me  vejo amar uma imagem semelhante a tua. Que me estranho  a esta sensação. É uma interpretação lírica, mas retórica. É como essa lua que se esconde alta sobre mim. Neste silêncio, o limiar do meu próprio coração desenfreado não sabe o que me dizer, e torno-me mudo ... O que reflito sentindo amar o que nem sei se por mim se em mim pensa? Quem dera eu fosse só esse instante a partir junto a chuva. Há chuva lá fora, e eu inquieto movo os olhos para te buscar num canto qualquer onde a vida me permitiu sentir, como quem ama calado e sabe que não há loucura em sonhar, inda que por um instante. T'é que eu me torne o tiquetaquear, fazendo o meu coração novamente viver, o amor distante, mas real. O desabrochar do sorriso verdadeiro, não inventado #