Levanta-te

"Isso tudo aqui é muito lindo ... Mas não sou assim,
sou o que falo quando não penso pra falar."

__________________________________
"Direitos Autorais."
Os direitos autorais são protegidos pela lei nº 9610/98, violá-los é crime estabelecido pelo artigo 184, do Código Penal Brasileiro. Não copie sem divulgar a autoria !

sábado, 19 de novembro de 2016

"Desvia-me das sombras tua companhia
Faz florescer um vasto campo,
Onde dançam as Camélias, como se fossem teus passos
Direcionados ao cais longínquo
...
Do que me faz te alcançar sem entender,
Ao certo d'onde vens, com este jeito?
Que faz sobressaltar estas linhas
Pouco a pouco, dando-te formosa espessura
 
Uma tela vívida e encantante
Tornando o momento quase irreal,
Mas há nele uma condição de felicidade
Escondida, oculta, vitral que faz pairar
 
Todos os sentidos pelo instante
Desta bela, que de suas "Le-dices,
Plaina meus pensamentos, paira tudo
Sobre esta ponte, que nos separa
 
Te vejo, neste cais, não alcanço,
Mas a tenho pelos meus olhos
Atentos, a cada curva desta estrada,
Que me perco, e me acho neste brilho
 
Que há em seu olhar, Lê sobre isso
Faz novamente nascer em mim,
Não o engano da paixão, mas a existência
De uma ensurdecedora inspiração."
 
E aqui, não é o fim...