8 de junho de 2018

Sobre nós passa-se o tempo
E nos trazem os segundos as horas
Transformando cada momento
Formando nossos dias

E somos cada um, uma estação
Juntamente com as manhãs
Que gentis desenham as tardes
E florescem para o cair de cada noite

Tempo que chega e se vai
Realizando em cada um, o sonho
Porque nada podemos por si só
E então, aprendemos no silêncio:

Que não somos do tamanho da nossa altura e nos vêem
Mas do tamanho que sonhamos em ser
Pois nada se transforma sem a imaginação
E nada se aprende senão houver o transformador: A professora.

A professora
Que em cada tempo dentro tempo
Ensinou-nos que não é o seu dever maior do que a sua dedicação
Nos deixou através do seu olhar
O mapa a seguir sem rastos de dúvidas
E que não é o ensinamento ou o aprendizado: Maiores do que amor por cada coisa que se faz.

Sua voz... Quanta ternura num só ser, Mas por hoje! Almejo sonhar no teu sono E no limiar do teu descanso Repousar em teus seios!