26 de abril de 2010

       "Não, as pessoas já sabem o que somos e fazemos quando nos conhecem. Nem precisam pensar, mas sim saber, não por palavras de outros e sim pelo convívio."

Sua voz... Quanta ternura num só ser, Mas por hoje! Almejo sonhar no teu sono E no limiar do teu descanso Repousar em teus seios!