Levanta-te

"Isso tudo aqui é muito lindo ... Mas não sou assim,
sou o que falo quando não penso pra falar."

__________________________________
"Direitos Autorais."
Os direitos autorais são protegidos pela lei nº 9610/98, violá-los é crime estabelecido pelo artigo 184, do Código Penal Brasileiro. Não copie sem divulgar a autoria !

domingo, 26 de dezembro de 2010

. Sinto os ventos, como empurram
Sobre o penhasco, de flores vivas
A dançar como o balanço do mar
A navegar, longe, longe e passa

Não sei se mudança repentina
Ou preciso de um sorriso?
Levado para a ignorância
Só para sentir-se vivo

A pele branca, cor de neve
Os pés descalços e ela desce
Vagamente, rodeada pelas flores
Estranha-se na beira da estrada

O silêncio jaz mortal
Um sono sem sonho
Um sonho sem sono
Desperta os rios

E faz-se de ondas marítimas
Uma mudança repentina?
E o que te importa saber?
Se ela nem existe!