27 de dezembro de 2010

.
"Nem sempre!
Afinal nunca seria tarde demais
Então, quando se deixa de ter
Sabe que o longe sim
È um infinito aonde devemos chegar
E para este dia desejo-lhes
Pensamentos novos,
Diversificados pelas poesias
Que por ai desbrotam
E para florir um olhar
Com alegria
È preciso imaginar."

"Eu e Ela."

Não são moedas meus anseios Ardentemente, desejo além do pensamento Porque não enxergo com os olhos Enxergo com a alma E somente ela sab...