26 de dezembro de 2010

"A Lua pode se casar com a mais estranha luz."
Angina,

Porque sinto-me,
como se esta sensação
me fosse de riqueza,
é quando paro e posso escrever.
Não dispenso a tristeza,
a deixo entrar,
e depois eu quem saio.

"Sonhos e traições andam de mãos dadas."

Deixe-me compartilhar com você uma memória

Dentro desse sonho, há uma imagem da morte E ela me leva onde há um saco de ossos Em que ali está o meu nome E pelo corredor daquele vale...