3 de março de 2011

.
Adorava tanto aquele outro espaço,
Cheio de coisas lindas e suaves,
Apesar de algumas, que eu não as reparava
Podia ainda sentir o teu gostar de privilégios
Outrora veio o frio, e deixou o calor se ir
Ainda sim, não havia porque de nos queixarmos
"O vento vem, e trás a paz do campo
O impossível não é duvidar
È acreditar que quando buscamos, temos."

"Na vigília dessa noite, enquanto todos dormiam. O mundo a se mover sem perceberem da mesma forma ao estarem todos despertos. Movia-se ...