18 de março de 2011

.
Um dia busquei lá longe os meus sonhos
Pareciam distantes de mim, e nada parecia encontrar
Mas percebia que as coisas me encontravam
A cada segundo, a cada instante eu parecia me enfrentar
Diante dos medos que me assolavam
A coragem me buscou, e lá longe me aproximou
Revi meus sonhos, e do topo do monte, pude realizar
Algo como se fosse qualquer, mas já fazia sentido
Era o começo de tudo que para mim, mudaria o momento
Como um novo pôr-do-sol que nasce e se vai
E que ainda sim, nasce novo n'outro dia
Que vivo e respiro, isso me bastaria
Sorrir como uma criança que não sabe o que faz, mas aprende
Dançar a beira do lago iluminado ao luar
Mas não, quero além-mar, caminhar para longe dos vulcões
Mas que recebe tudo o que precisa
Pois, sente-se viva... Como uma caçadora dos sonhos.
Dedicado//Millena

Quis escrever nas noites mais frias e longas das quais cada um dos meus pensamentos eram naufrágios. Mas não fui permitido a escrever com pe...