27 de janeiro de 2012

"Desenhe uma linha na sua areia. E veja do outro lado quem está? Se é quem vês, ou quem chega."

Deixe-me compartilhar com você uma memória

Dentro desse sonho, há uma imagem da morte E ela me leva onde há um saco de ossos Em que ali está o meu nome E pelo corredor daquele vale...