26 de janeiro de 2013

" Quando ouvirdes o seu interior, passará a entender as necessidades da alma. Deixando de ser o centro o seu corpo. Para que mantenha a mente direcionada, diferente de um corpo estático e sem domínio pelo que se quer ter. Enxergar a alma, é compreender que o corpo não nos serve como guia do pensamento, pois um corpo fraco não corresponde a mente, que sente a necessidade de uma alma em vigor. "

Certo de que a poesia existe

E que faz-me viver nestas eiras perdidas das estradas Desnudas da vida de homens quaisqueres de iguais Seres de areias que desfazem ao v...