Levanta-te

"Isso tudo aqui é muito lindo ... Mas não sou assim,
sou o que falo quando não penso pra falar."

__________________________________
"Direitos Autorais."
Os direitos autorais são protegidos pela lei nº 9610/98, violá-los é crime estabelecido pelo artigo 184, do Código Penal Brasileiro. Não copie sem divulgar a autoria !

quinta-feira, 13 de março de 2014

No estreito da estrada
Há sombras,
Que dispersam-se a vil neblina
Cobre os olhos

Se perdem os passos,
onde há destino
Há uma canção no fim da estrada
Qual a sensação?

Que trás estes ventos frios.
Soprando devaneios,
Carregando o sentido da madrugada
Para findar-se. Oh noite!

Lírios que jazem as canções
Sonhos que morrem,
Em altos muros,
Onde se quebra o equilíbrio

Alta noite fria onde te sonho
E sem te ver,
te busco
Oh minha alma!