13 de abril de 2014

"Assim é para mim; o fato de estudar não é saber melhor do que os outros, mas é uma forma de ainda conhecer.  Contudo o que mais importa, é o que nossa alma interpreta sobre o que os nossos olhos vêem. Pois são portas para os ouvidos, já que tudo que ouvimos não ser verdade, até que possamos ter vivido, visto inteiramente ser.   Então, creio em mim, antes de qualquer homem mortal."

Quis escrever nas noites mais frias e longas das quais cada um dos meus pensamentos eram naufrágios. Mas não fui permitido a escrever com pe...