21 de janeiro de 2015

       (...)   Eu não preciso ver, aquilo que você quer que eu enxergue. Porque enxergo, tudo aquilo que você jamais poderá ver  (...)

Quis escrever nas noites mais frias e longas das quais cada um dos meus pensamentos eram naufrágios. Mas não fui permitido a escrever com pe...