21 de novembro de 2009

   Somente uma gota de orvalho é encantadora. Ela não fala mais brilha, ela escorre, mas sempre volta para seu lugar. Ela transmite a paz inerte pela qual nenhum homem ou mulher pode nos transmitir. Sem mesmo falar, faz com que desejemos vê-la mais uma vez.

"Atenua-se no vasto céu negro antigas estrelas e esplendorosa e formosa lua...

Fazendo mundos surgirem junto a sensação do vento noturno Solstício outono também declama o amor as folhas Onde cada uma delas também...