22 de dezembro de 2009

    ─ Pois é o além que eu não enxergo contigo. Que desejo descobrir o que nos reservou... Você me trouxe sem querer inspiração. Imagine só as proporções. Que daqui para a frente. Me traria...

Sua voz... Quanta ternura num só ser, Mas por hoje! Almejo sonhar no teu sono E no limiar do teu descanso Repousar em teus seios!