Levanta-te

"Isso tudo aqui é muito lindo ... Mas não sou assim,
sou o que falo quando não penso pra falar."

__________________________________
"Direitos Autorais."
Os direitos autorais são protegidos pela lei nº 9610/98, violá-los é crime estabelecido pelo artigo 184, do Código Penal Brasileiro. Não copie sem divulgar a autoria !

segunda-feira, 28 de junho de 2010

Vou sair por aí e andar sem rumo, encontrar aquele que busco. Fecho meus olhos e te encontro em carne Nada irá fazer com que meu amor por ti diminua. O amor que se define em honestidade, carinho, compreensão, atenção. "O que não se gaba, nem é arrogante, não se comporta inconscientemente, não quer tudo só para si, não condena por causa de um erro cometido, não se regozija com a maldade, mas com a verdade. O amor nunca falho". (James C. Hunter) – Penso em tudo que desejo se tornando realidade: Os dias mais alegres e as noites menos sombrias; um sorriso a cada olhar de criança, jovens, idosos; um amor retribuído. Realizações; algumas fantasias, outras a pura verdade e jamais uma mentira a qual nunca será recebida com afeto, sempre será julgada por sua aparência. Comportamentos diferenciados; pensamentos dignos de opiniões distintas. Sou diferente de ti assim como outro ser. Temos semelhanças e nada além disso. Atitudes que gritam dentro de nós querendo cada vez mais aquela ação para mais perto. Meu jeito de mulher o que só existe é uma alma de criança – inocência. Aquela que é conduzida por fantasias: Acredita em amor a primeira vista; acredita em finais felizes. Sou a que se torna a fada brilhante que voa que nem estrelas nos céus. Que arranca com facilidade o sorriso de uma criança; que vive no mundo azul. O sentimento único e tão fascinado por tuas palavras que correm em minha face facilmente – emoção. Não sou poetisa muito menos uma filoeta, mas sou quem eu sou e não mudarei meu jeito de ser, pois foi dele que conquistei o teu digno amor. Sou a mulher, menina que tem os seus defeitos; tentando melhorar não o que sou e sim atitudes capazes de mudar cenas. Sinto orgulho falar teu nome, sentir o teu cheiro. Sou menina, sou mulher, sou quem não se esconde atrás de uma máscara, sou quem não esconde as lágrimas por um desejo. Sou quem está e estará ao seu lado nas melhores vitórias e nas derrotas erguendo tua cabeça. Que o sol e os luares sejam testemunhas deste amor que se inicia sem fim escrito.

Por: Lêda Mikaelle