13 de janeiro de 2011

.Loucuras.

"E quando então a tristeza bater em minha porta,
a deixarei que entre. Para que eu simplesmente possa sair."

A realidade que trás loucura
E a loucura que trás [i]realidade
De formas adversas de viver
Para conduzir como bem quer
─ O que se pensa...

E como aqueles que realizam
O que transborda da loucura
Só que traz realidade
E transcende o entendimento

De coisas simples e que se faz
De coisas difíceis que não se faz
A realidade que duvida e para
E a loucura que se anda e tem.

PoetaLuar

Essas sensações que me surgem e me tomam por suas cores invisíveis e de finitudes indomáveis. Me fazem saber que estou no caminho certo, não...