30 de julho de 2015

O sono vem bater em meus pensamentos
Leva para longe o anseio de querer ficar desperto
Lá fora cai a madrugada, que logo trará o dia
Que me está enfim, reservado?
Sonho para descobrir o que trás o amanhecer
Me transformo nisso, que sou
Simples como a noite, lúcido como o dia
E inda que custe-me tempo para adormecer,
Sobressalto tudo, sabendo que até o amor passa
E nada fica senão o que somos quando pensamos
Em ser o instante que trás o outro lado de nós,
Interiormente...

Toda essa euforia pelo qual o tempo tem transtornado, o rarefeito em que a maioria dos homens negam por insuficiência física, causando o des...